Aspectos clínicos e histopatológicos de 19 casos envolvendo tumores mamários em gatas

  • Lianna Ghisi Gomes Universidade Federal de Roraima
  • Camila Calvi Menegassi Universidade Federal de Mato Grosso
  • Matias Bassinello Stocco Universidade Federal de Mato Grosso
  • Andresa de Cássia Martini Universidade Federal de Mato Grosso
  • Nathalie Moro Bassil Dower Universidade Federal de Mato Grosso
  • Samuel Monzem Universidade Federal de Mato Grosso
  • Luciana  Maria Curtio Soares Universidade Federal de Mato Grosso
  • Gleicieli Monteiro Pereira Universidade Federal de Mato Grosso
  • Paulo Roberto Spiller Universidade Federal de Roraima
  • Roberto Lopes de Souza Universidade Federal de Mato Grosso
Palavras-chave: felinos, glândula mamária, neoformações, neoplasias

Resumo

Objetivou-se avaliar os tumores de maior ocorrência e determinar seus possíveis fatores prognósticos, como: raça, sexo, idade, estado reprodutivo, uso de contraceptivos, número de lesões mamárias, localização e ulceração. Foram estudados 19 casos de neoformações mamárias em felinos no período entre 2013 e 2016. Os tumores mamários tiveram uma frequência de 100% em fêmeas. A idade dos animais variou entre dois e 14 anos (com média ± desvio-padrão de 9,76 ± 3,50), sendo a maior ocorrência em idosos e sem raça definida (SRD). Dos animais acometidos, 68,42% não eram castrados, evidenciando uma considerável influência hormonal. A maioria das neoplasias mamárias apresentaram características de malignidade, revelando um mau prognóstico para os indivíduos portadores.  Portanto a avaliação deste conjunto de fatores prognósticos, associados ao diagnóstico histológico remeterá o protocolo terapêutico adequado.

Biografia do Autor

Camila Calvi Menegassi, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) – Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT,Brasil.

Matias Bassinello Stocco, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) – Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT,Brasil.

Andresa de Cássia Martini, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) – Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT,Brasil.

Nathalie Moro Bassil Dower, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) –
Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT, Brasil.

Samuel Monzem, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) – Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT, Brasil.

Luciana  Maria Curtio Soares, Universidade Federal de Mato Grosso

Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias, Faculdade de Medicina Veterinária (FAVET) – Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Cuiabá, MT, Brasil.

Gleicieli Monteiro Pereira, Universidade Federal de Mato Grosso

Residente do Programa Uniprofissional em Medicina Veterinária, FAVET – UFMT, Cuiabá, MT, Brasil.

Paulo Roberto Spiller, Universidade Federal de Roraima

Médico Veterinário – Complexo Veterinário da Universidade Federal de Roraima (CVET-UFRR), Boa Vista, RR, Brasil.

Roberto Lopes de Souza, Universidade Federal de Mato Grosso

Professor Doutor, FAVET – UFMT, Cuiabá, MT, Brasil.

Publicado
31-07-2019
Como Citar
Gomes, L. G., Calvi Menegassi, C., Bassinello Stocco, M., de Cássia Martini, A., Moro Bassil Dower, N., Monzem, S., Curtio Soares, L. M., Monteiro Pereira, G., Spiller, P. R., & Lopes de Souza, R. (2019). Aspectos clínicos e histopatológicos de 19 casos envolvendo tumores mamários em gatas. Veterinária E Zootecnia, 26, 1-5. https://doi.org/10.35172/rvz.2019.v26.193
Seção
Relatos de Casos