TECNOLOGIAS DE REPRODUÇÃO NA SUÍNOS INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL - REVISÃO DA LITERATURA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.35172/rvz.2024.v31.1545

Palavras-chave:

Suinocultura intensiva; Inseminação artificial; Eficiência reprodutiva; Produtividade.×

Resumo

Este resumo aborda o uso de tecnologias de reprodução na suinocultura, com ênfase na inseminação artificial (IA). A suinocultura brasileira vem crescendo significativamente e busca novas tecnologias para alcançar altos índices produtivos de maneira sustentável e competitiva. Os suínos apresentam características favoráveis, como alta prolificidade, fertilidade, rápido crescimento, eficiência alimentar e rendimento de carcaça, o que levou ao desenvolvimento intensivo da atividade com seleção genética avançada. A IA é amplamente empregada para disseminar material genético entre diferentes regiões e granjas. Diversas técnicas de IA são utilizadas na suinocultura moderna: a inseminação intrauterina (IAIU) permite a deposição do sêmen na região uterina, reduzindo custos; a inseminação em tempo fixo (IATF) sincroniza o estro em várias fêmeas, facilitando o manejo e aumentando a eficiência; a inseminação intrauterina profunda (IAUP) deposita o sêmen nos cornos uterinos, obtendo melhores resultados; e a inseminação cervical (IAC), técnica tradicional amplamente utilizada, embora possa ser mais demorada e apresentar maiores taxas de refluxo. O sucesso da IA está relacionado ao conhecimento do ciclo reprodutivo das matrizes, à nutrição adequada e aos fatores genéticos e ambientais. A qualidade do sêmen é essencial, exigindo coleta por profissionais treinados e avaliação da motilidade e morfologia dos espermatozoides. Apesar de ser uma técnica consolidada, há questões a serem aprofundadas para otimizar sua aplicação, como a definição precisa do momento da inseminação, redução do refluxo e adoção de protocolos eficazes. A IA é uma ferramenta essencial para o crescimento da suinocultura brasileira, mas requer estudos contínuos para maximizar sua eficiência e resultados, considerando o objetivo produtivo da granja e o tamanho do empreendimento para alcançar altos índices reprodutivos e produtivos.

Referências

– ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal). Relatório Anual ABPA – 2023 [Internet]. Disponível em: https://abpa-br.org/abpa-relatorio-anual/. Acesso em: 27 de jun. 2023.

- Alkmin DV. Mercado de sêmen em suínos: o papel das centrais de inseminação artificial. In: V ABRAA. Anais da Reunião Anual da Associação Brasileira de Andrologia Animal, Mato Grosso do Sul: Editora UFMS, 2021. p. 27.

- Viana CHC, Jorge Neto PN, Marques MG. Inseminação artificial em suínos no Brasil: biotecnologias e atualidades do mercado. Suinocultura Industrial, Itu, ed. 294, ano 42, n. 03, p. 16-21, 2020.

- Gaggini TS, Paschoal AFL, Mellagi APG. Métodos de avaliação de reprodutores em centrais de inseminação artificial de suínos: foco no exame clínico. Revista Brasileira de Reprodução Animal. 2018;42(1):22-29

- Bortolozzo FP, Menegat MB, Mellagi APG, Bernardi ML, Wentz I. New artificial insemination technologies for swine. Reproduction in Domestic Animals. 2015;50(2):80-84.

- Secco PM, Moya CF. Anatomia e fisiologia da fêmea suína: uma revisão. Revista de Zootecnia de Precisão. 2020;1(4):4-14.

- Bortolozzo FP, Mellagi APG, Menegat MB, Mallmann AL, Bernardi ML, Wentz I. Perspectivas atuais da inseminação artificial em tempo fixo em suínos. Artigo Técnico. 96º edição.

- Melaggi APG, Quirino M, Silva Oliveira G, Gaggini TS, Paschoal AFL, Lucca MS, Ulguim RR, Bortolozzo FR. Atualizações na avaliação andrológica em suínos. In: Anais do XXII Congresso Brasileiro de Reprodução Animal (CBRA-2019), Gramado, RS, 15 a 17 de maio, 2019.

- Barbosa NPMO, Crocomo LF. Influência da genética e dos métodos de conservação sobre a qualidade do sêmen suíno. Ciência Animal. 2022;32(1):115-130.

- Kitamura Martins SMM, Kitamura Martins, Gustavo Amorim De Campos, Diego Feitosa Leal. Influência da nutrição na reprodução de matrizes suínas. Ciência Animal. 2015;25(1):93-108.

- Stresser ACFP, Grigoletti C. Manejo nutricional da fêmea suína – artigo de revisão. Electronic Journal of Biology and Health Sciences and Biotechnology. 2016;2:1-25.

- Rubas A, Andrade L, Menegolla V, Cunha SHM, Locatelli ML. Desafios atuais na inseminação artificial de suínos. Revista Inovação, Gestão e Tecnologia no Agronegócio. 2022;1(1):149-153.

- Leipelt K. Análise da qualidade de sêmen suíno sob a influência de diluentes em uma central de produção de sêmen suíno no interior do Rio Grande do Sul. Monografia (Bacharel em Biomedicina), Universidade do Vale do Taquari, Lajeado, 2017. 13 p.

- Lima DMA. IATF e performance reprodutiva de fêmeas suínas submetidas a dois protocolos de sincronização da ovulação. Tese (Doctor Scientiae), Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2018. 69 p.

- Alkimin DV. Central de IA em suínos: uma análise prática do processo de produção de sêmen de alta qualidade. Revista Brasileira de Reprodução Animal. 2019;43(1):327-330.

- Fabino Neto R, Belém de Sousa JP, Xavier Costa LF, Marques DP, Silva Oliveira IL, Alves Silva IC, de Godoy MM, Abrão Pessoa FO. Aspectos de manejo reprodutivo de suínos. Colloquium Agrariae. 2017;13(2):41-50.

- Leal DF, Muro BBD, Martins SMMK, Morenoi AM, Moretti AS, Andrade AFC. Núcleo de pesquisa em suínos como centro formador de recursos humanos para a suinocultura do futuro. Revista De Graduação USP. 2017;2(3):147-150.

- Júnior TL, Gasperini BG, Bortolozzo FP, Ulguim RR. Ciclicidade pós-desmame e protocolos de inseminação artificial em fêmeas suínas. In: Anais do XXIII Congresso Brasileiro de Reprodução Animal (CBRA-2019); Gramado, RS, 15 a 17 de maio de 2019.

- Pedroso TS, Pardal P. Efeito da dose e da concentração espermática no desempenho reprodutivo de porcas hiperprolíficas inseminadas por via pós-cervical. Journal of Medical and Veterinary Sciences. 2020;8:97-103.

- Rocha PV, Araújo LRS, Miranda LAM, Silva BM, da Silva EC, dos Santos FCP. Avaliação morfológica de espermatozoides suínos em uma central de inseminação artificial. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal. 2021;15(2):1-12.

- Pedroso T, Pardal P. Efeito da dose e da concentração espermática no desempenho reprodutivo de porcas hiperprolíficas inseminadas por via pós-cervical. Revista Da UI_IPSantarém. 2020;8(3):97-103.

- Bortolozzo FP, Wentz I, Dallanora D. Situação atual da inseminação artificial em suínos. Acta Scientiae Veterinariae. 2005;33(1):17-32. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, Brasil.

- Ternus EM, Vanz AR, Lesskiu PE, Preis GM, Serafini L, Consoni W, Traverso SD, Cristani J. Performance reprodutiva de leitoas submetidas a inseminação artificial pós-cervical. Arquivos Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia. 2017;69(4):777-784.

- Araujo AF, Ribeiro JC, Cezário AS, Souza CM, Santos WBR, Camargos AS. Comparação da inseminação convencional e pós-cervical sobre a eficiência reprodutiva de suínos. Colloquium Agrariae. ISSN: 1809-8215. 2018;13(2):109-115.

- Oliveira LDP, Neto JFR, Camargos A Sousa, Araujo AF, Ribeiro JC, Cezário AS. Efeito da inseminação pós-cervical sobre o nascimento de leitões e suas características. In: IV Congresso Estadual de Iniciação Científica do IF Goiano, 42 p. 2015.

- Alvarenga ALN, Murgas LDS, Zangeronimo MG. 2009. Tipos e volumes de diluentes para inseminação artificial intrauterina em suínos. Revista Brasileira de Zootecnia 38(10): 1886-1892.

- Oliveira Paula NR, Porfirio KP, Araújo Teixeira LS, Cardoso JF. Programas de inseminação artificial com sêmen congelado de caprinos e ovinos por laparoscopia no Nordeste do Brasil. In: Anais do IX Congresso Norte e Nordeste de Reprodução Animal (CONERA 2018); Belém, PA, 10 a 12 de setembro de 2018.

- Andrade AFC de, Ravagnani GM, Pavaneli APP, Martins SMMK. Protocolos de inseminação artificial em tempo fixo em leitoas. Rev. Prod. Anim. 2019;43(2):97-104.

- Quirino M, Pinheiro ARA, dos Santos JT, Ulguim RR, Mellagi APG, Bortolozzo FP. Reproductive performance of fixed-time artificial insemination in swine and factors for the technology success. Ciência Rural. 2019;49(2):2-7.

- Oliveira WOS, da Silva GP, Bernardi CM. Influência da nutrição na reprodução de matrizes suínas. Jornal de Medicina Veterinária Science FCCA. 2022;2(1):16-19.

- Schroeder G, Pizzatto B, Serafini M, Kummer AD. 2012. Inseminação artificial intrauterina em leitoas nulíparas. In: Anais do 6º AGROTEC, Chapecó, 41 p.

- Hernández-Caravaca I, Izquierdo-Rico MJ, Matás C, Carvajal JA, Vieira L, Abril D, Soriano-Úbeda C, García-Vázquez FA. Reproductive performance and backflow study in cervical and post-cervical artificial insemination in sows. Animal Reproduction Science. 2012;136(2):214-222.

Downloads

Publicado

2024-03-28

Como Citar

1.
Almeida AA de, Valentim JK, Moraleco DD, Zanella J, Ferreira Vieira JRR. TECNOLOGIAS DE REPRODUÇÃO NA SUÍNOS INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL - REVISÃO DA LITERATURA. RVZ [Internet]. 28º de março de 2024 [citado 26º de maio de 2024];31:1-12. Disponível em: https://rvz.emnuvens.com.br/rvz/article/view/1545

Edição

Seção

Artigos de Revisão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)